Exemplares e inspiradoras todos os dias

08/03/2018 07:30

Pioneiras. Exemplos e inspiradoras. Seja no cargo máximo de uma universidade, como eméritas, reconhecidas internacionalmente, conquistando o direito de usar o nome social ou ingressando pelas cotas no curso mais concorrido da UFSC. De inúmeras formas elas se destacam, sejam no papel de aluna, professora, técnica, trabalhadora, gestora, filha, mãe, empreendedora, voluntária, escritora, pesquisadora. Todas buscam seu espaço, pessoal e profissional, de forma natural, pela competência.

No dia em que os olhares se voltam para elas e suas trajetórias, segue um exemplo dessa atuação, a visão de 15 mulheres sobre tabus na academia e na sociedade.

Catorze são da área de Filosofia e uma do Direito, de instituições do país e do exterior. Neste trabalho reuniram seus pensamentos sobre o feminismo e ampliaram o debate de temas plurais, interdisciplinares e polêmicos. Dessa união de conhecimentos, o livro “Filosofia: machismos e feminismos”, publicado pela EdUFSC em 2014. A contracapa adianta o objetivo: “Este é um livro sobre mulheres e filosofia ou sobre temas feministas na filosofia”.

Maria de Lourdes Alves Borges e Marcia Angelita Tiburi, (Unirio) são as organizadoras da obra. Maria de Lourdes é professora e secretária de Cultura e Arte da UFSC. Já organizou três e escreveu seis livros. O de capa vermelha é indicado para qualquer pessoa que se interesse pelo assunto e é um dos mais completos trabalhos na área. Cada uma dessas mulheres trouxe uma abordagem sobre temas específicos como corpo, emoção, aborto, entre outros.

Maria de Lourdes se prepara para o próximo livro, uma continuação deste trabalho coletivo. Adianta que já está quase pronto.

Sempre atuante nos movimentos feministas, Maria de Lourdes enfatiza a necessidade de união, luta e organização das mulheres neste espaço acadêmico, que também é discriminatório. Pontua que as próprias mulheres devem fazer uma crítica, se o seu discurso acompanha a prática. As que conquistaram seu espaço, ajudem as que ainda não alcançaram. É importante se unir, apoiar e denunciar o machismo que vitimiza milhares de mulheres no mundo.

A Feira do Livro da Editora da UFSC, que segue até o dia 22 de março, no Centro de Cultura e Eventos, traz livros que tratam de gênero, escritos por elas e para todos.

Mais opções

“Crônicas das cidades partidas”, por Jeana Laura da Cunha Santos

“Gênero e Contracepção: uma Perspectiva Sociológica”, por Luzinete Simões Minella

“As imagens do outro sobre a cultura surda”, por Karin Strobel

“Teorias de aquisição da linguagem”, por Ronice Müller de Quadros e Ingrid Finger

“Ações Afirmativas na Universidade: abrindo novos caminhos”, por Ilse Scherer-Warren e Joana Célia dos Passos

“Mulheres e o Mar”, por Rose Mary Gerber

“Desamores: a destruição do idílio familiar na ficção contemporânea”, por María Salete Daros de Souza

“Saúde da Mulher: um desafio em construção”, por Elza Berger Salema Coelho, Maria Cristina Marino Calvo e Clair Castilhos Coelho

 

Rosiani Bion de Almeida/Agecom/UFSC