Projeto de extensão da UFSC Araranguá conscientiza sobre preservação ambiental

05/12/2017 17:00

A associação Plant-for-the é situada em Tutzing na Alemanha e tem como objetivo conscientizar alunos de escolas sobre os impactos das mudanças climáticas incentivando a formação de crianças como lideres nas ações locais para plantio de árvores. Na cidade de Araranguá ela atua em parceira com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O projeto é coordenado pelos professores Claus Tröger Pich e Kátia Madruga. Eles são apoiados por estudantes voluntários que colaboram para que o sul do país contribua com o plantio fazendo com que a meta proposta pela entidade possa ser alcançada. Na formação de voluntários no campus e para a realização das academias, recebem auxílio do alemão Lutz Michaelis, que trabalha no Centro de Ciências, Tecnologias e Saúde (CTS) como prestador de serviço voluntário de pessoal externo à UFSC, e já coordenou academias na Alemanha e no Paraná.

A professora Katia fala sobre o porquê decidiu entrar no projeto. “O professor Claus e eu, somos os coordenadores deste projeto. Decidimos apoiar o movimento, porque percebemos diversos aspectos interessantes com relação ao seu impacto sobre às gerações futuras e destacamos três: 1) O incentivo à co-responsabilização das crianças e jovens no processo de transformar a sua realidade por meio de campanhas de plantio e estabelecimento de uma agenda de arborização para suas cidades, 2) O entendimento de que podem agir localmente e que fazem parte de um movimento global pela proteção climática, ou seja, que estão atuando em conjunto com crianças e jovens de outros países, 3) A continuidade do projeto, já que após a certificação das crianças, as escolas são apoiadas para que possam organizar clubes e, desta forma, dar sequência as ações e a formação de novos embaixadores do clima.”

Até o momento o projeto já realizou parcerias com a Escola Maria Garcia Pessi e Escola de Ensino Básico CAIC, ambas públicas e localizadas próximas às unidades da UFSC Araranguá. Com o apoio dos professores e voluntários, 94 crianças foram formadas nas duas academias. No total, 70 árvores foram plantadas nos pátios das escolas e na unidade Mato Alto da UFSC Araranguá, para arborizar o campus para gerações de estudantes futuros. Em todas as atividades, a Fundação Ambiental do Município de Araranguá é parceira, fornecendo mudas para as ações de plantio.

Para saber mais e entrar em contato, acesse os websites do Plant-for-the-Planet e a página do facebook:

https://www.facebook.com/plantfortheplanetara/

https://www.plant-for-the-planet.org/en/home

Comunicação Institucional/UFSC Araranguá