UFSC Araranguá recebe avaliadores do MEC para autorização do curso de Medicina

31/10/2017 11:00

Os avaliadores do Ministério da Educação (MEC) estiveram na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Campus Araranguá, para conhecer a estrutura local proposta para receber o curso de Medicina. A visita foi realizada nos dias 26 e 27 de outubro, pela professora Rosangela Minardi, da Universidade Federal de Viçosa (MG), e o professor Edson Arpini, da Universidade Estadual de Maringá (PR).

Os professores visitaram as instalações onde está sediada a Universidade, no bairro Jardim das Avenidas, além de locais onde funciona a rede de saúde municipal, entre eles a Unidade de Pronto Atendimento e o Hospital Regional de Araranguá. A passagem dos avaliadores pela cidade ainda contou com uma reunião na Associação Empresarial de Araranguá e do Extremo Sul Catarinense (Aciva).

O coordenador do curso de Medicina, Paulo Marcondes, diz que “a visita da comissão de especialistas do MEC foi mais um passo importante para o início do curso. Ela representa o Ministério da Educação realizando uma visita de avaliação da proposta do curso. São analisados 4 grandes áreas: o projeto pedagógico, os docentes, a infraestrutura da universidade e a infraestrutura da rede serviços de saúde.”

O professor ressaltou que o resultado da visita foi positivo. Segundo ele, “na reunião que houve na ACIVA, com a presença da comunidade organizada e de políticos, inclusive houve a promessa, por estes últimos, da dotação de 1 milhão de reais em emendas parlamentares para a instalação do curso. A comissão de especialistas irá sugerir ao MEC a autorização de funcionamento do curso, o que é uma vitória para a universidade e para a comunidade local que se uniram e mostraram sua força”.

Caso a autorização seja confirmada pelo MEC, a expectativa é da realização de um vestibular especial para o curso e que as aulas iniciem-se ainda em 2018.

Jonas Goulart/Comunicação Institucional/UFSC/Araranguá