UFSC firma acordo de cooperação com Instituto Padre Vilson Groh

10/04/2017 11:26

A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e o Instituto Padre Vilson Groh (IVG), localizado em Florianópolis, firmaram uma parceria no final da manhã da última sexta-feira, 7 de abril. A assinatura do acordo de cooperação foi realizada na Sala dos Conselhos, no piso térreo da Reitoria, em Florianópolis.

DSC_6842

Foto: Assinatura do acordo de cooperação entre a UFSC e o IVG realizada no dia 7 de abril em Florianópolis.

O acordo tem o objetivo de incentivar o intercâmbio técnico, científico, cultural e administrativo, de instalações físicas, equipamentos e de recursos humanos entre as duas instituições para o desenvolvimento de pesquisas e atividades de extensão, cursos de pós-graduação, estágios e outros serviços de interesse comum. O IVG desenvolve mais de 30 projetos em sete instituições que atendem crianças, adolescentes, jovens e adultos da Grande Florianópolis. A proposta é trabalhar uma interface das demandas das comunidades, como moradia, saúde, arquitetura e urbanismo na área social e psicologia. O reitor manifestou seu contentamento e afirmou que o termo de ajuste será desdobrado em outros acordos e convênios que se mostrarem necessários. “Para nós é uma honra fazer esse tipo de parceria, a Universidade está aqui para servir”, disse.

Com uma rede de ações sociais e educativas, o IVG tem como missão prestar serviços de assessoramento, defesa e garantia de direitos, tendo como marco referencial a Constituição Federal. “Sempre trabalhamos muito pontualmente com a UFSC, especialmente com professores que por conta própria nos procuraram, de forma dedicada. Ao longo dos últimos 21 anos, foi sempre nessa dimensão”, relembra o presidente do IVG, padre Vilson Groh. A proposta da entidade é, cada vez mais, trabalhar em rede.

Prestar serviços e executar programas ou projetos voltados para o fortalecimento dos movimentos sociais, formação e capacitação de lideranças, dirigidas ao público da política de assistência social; desenvolver ações de formação e capacitação de profissionais e voluntários para atuarem em ações de promoção de inclusão social e cidadania são alguns dos objetivos do IVG.

Um comitê será formado para coordenação das atividades do acordo, com dois representantes indicados pela UFSC e dois pela Secretaria de Estado de Segurança Pública de Santa Catarina (SSP/SC). O padre Vilson sugeriu que seja feito um planejamento anual para materializar o acordo de cooperação. Falou, também, sobre a crescente violência em Florianópolis e a situação de vulnerabilidade da juventude da periferia e sobre o acesso e iniciativas de permanência na Universidade. “O Estado tem que entrar com políticas públicas para a nossa juventude. Temos que construir uma cultura de paz e de alianças para estancar as mortes”, avaliou.

O médico e professor do Departamento de Cirurgia da UFSC, Ricardo Baratieri, que intermediou as tratativas para o acordo de cooperação, o diretor-geral do Gabinete da Reitoria, Alvaro Guillermo Rojas Lezana, o diretor administrativo do IVG, Walter Silva Koerich, o vice-presidente do Tribunal de Contas de Santa Catarina, conselheiro Adircélio de Moraes Ferreira Júnior, membros da equipe de trabalho do Instituto, diretores de centros e docentes e técnicos-administrativos em Educação da Universidade participaram do ato.

“Muitas vezes, a comunidade foi muito aberta para participar de pesquisas e essas pesquisas não retornoram para ela. Esse é um dos papéis desse acordo, creio eu, para empoderar essas comunidades a levarem em frente os seus objetivos”, finalizou o padre Vilson.

Texto: Bruna Bertoldi Gonçalves / Jornalista / Agecom / UFSC

Fotos: Ítalo Padilha / Fotógrafo / Agecom / UFSC