Primeira dissertação da Pós-Graduação em Oceanografia da UFSC analisa pesca e maricultura em Florianópolis

17/02/2017 10:45

A primeira dissertação a ser defendida no Programa de Pós-Graduação em Oceanografia da UFSC terá como tema uma análise detalhada dos modos de vida atingidos pela pesca na capital de Santa Catarina. A dissertação “Pesca e maricultura em Florianópolis, Santa Catarina, Brasil: Análise exploratória dos modos de vida e da percepção dos usuários sobre as atividades”, apresentada pelo aluno Homero Destéfani, do curso de Oceanografia, será defendida na Sala de Usos Múltiplos do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH), no dia 22, às 14h.

A decadência da pesca artesanal fez com que os pescadores buscassem alternativas para complementar sua renda. Entre essas atividades desenvolvidas, está a maricultura. A dinâmica institucional gera contextos de vulnerabilidade que afetam de diferentes formas os grupos de usuários dos recursos pesqueiros. A análise feita pela tese busca compreender como eles se sentem e respondem a esses contextos.

A pesquisa foi realizada em duas comunidades reconhecidamente pesqueiras da Ilha de Santa Catarina: Santo Antônio de Lisboa e Ribeirão da Ilha.

 

Matheus Pereira
Estagiário de Jornalismo da Agecom