Novos técnicos da UFSC passam por capacitação de Iniciação ao Ambiente Institucional

21/02/2017 12:55
Pró-reitora de Gestão de Pessoas, Carla Búrigo apresenta a estrutura da Prodegesp aos novos técnicos. (Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC)

Pró-reitora de Gestão de Pessoas, Carla Búrigo apresenta a estrutura da Prodegesp aos novos técnicos. (Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC)

Cerca de 150 novos técnicos-administrativos em Educação (TAEs) participam, a partir desta terça-feira, 21 de fevereiro, da primeira turma de 2017 de Iniciação ao Ambiente Institucional UFSC. O curso, que era oferecido por alguns anos apenas em formato a distância, é realizado agora de forma semipresencial até o dia 28 de fevereiro.

O módulo presencial do curso acontece nesta terça e quarta-feira, no Auditório da Reitoria, em Florianópolis, e por meio de videoconferência nos campi de Araranguá, Blumenau, Curitibanos e Joinville. Os módulos a distância são oferecidos por meio da plataforma Moodle.

Reitor Luiz Cancellier fala sobre redução da carga horária e ponto eletrônico durante mensagem de boas-vindas. (Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC)

Reitor Luiz Cancellier fala sobre redução da carga horária e ponto eletrônico durante mensagem de boas-vindas. (Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC)

O reitor Luiz Cancellier proferiu uma mensagem de boas-vindas aos participantes, em sua grande maioria técnicos que ingressaram a partir de setembro de 2016. Em sua fala, Cancellier ressaltou a distribuição de novos servidores TAEs para as unidades de ensino. “Cerca de 75% dos novos técnicos foram trabalhar nos centros de ensino, que estavam deficitários de pessoal ao longo dos anos. Isso é muito significativo. As coordenações de curso e os departamentos são os setores nos quais se faz o relacionamento com os alunos, por isso a importância de ter pessoal capacitado”, aponta.

Cancellier abordou as principais questões atuais que afetam o dia a dia dos TAEs na UFSC. Comentou o processo de redução da jornada de trabalho de 40 para 30 horas semanais, falou sobre a implantação do ponto eletrônico e sobre a participação dos técnicos na produção científica da Universidade.

“A redução da carga horária é uma demanda que existe dentro da instituição, e chegou a hora da Administração Central encará-la de forma resolutiva. Já implantamos no Hospital Universitário, estamos finalizando a implantação na Biblioteca, e depois partiremos para outros setores. Não é um processo rápido ou que acontece todo de uma vez”, salientou o reitor. Sobre o ponto, Cancellier informou que a determinação de implantar o controle eletrônico partiu da Justiça Federal, e a UFSC já concluiu o processo licitatório para contratar a empresa que fará essa implantação. “São dois processos que irão caminhar juntos, a redução da carga horária e o ponto eletrônico”, confirmou.

Cento e cinquenta técnicos participam do curso. (Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC)

Cento e cinquenta técnicos participam do curso. (Foto: Ítalo Padilha/Agecom/UFSC)

O reitor falou, ainda, da importância de participar da vida acadêmica, por meio do voto, nas eleições de gestores e membros dos órgãos colegiados da Universidade. “Participem do processo decisório. Ele começa lá na escolha do chefe de departamento e termina na escolha do reitor”, ressaltou. “Técnicos podem fazer pesquisa e extensão, remunerada ou não. Então, recomendo que vocês se envolvam também na produção científica e na extensão”, disse o reitor.

Mudanças

O curso de iniciação em formato semipresencial foi uma mudança solicitada por muitos dos participantes de edições anteriores, além de ser um dos objetivos da pró-reitora de Gestão de Pessoas, Carla Búrigo. Segundo a chefe da Divisão de Capacitação Continuada, Monica Pedrozo Gonçalves, a intenção é tornar o curso totalmente presencial. “Resolvemos oferecer agora na modalidade semipresencial devido às respostas de participantes, além de um projeto de uma gestão mais próxima, e eu também, como pedagoga, entendo que deveria ser um curso presencial, até 100% presencial, então estamos em transição”, explica.

Interessados nas próximas edições do curso devem se inscrever por meio do Sistema Gestor de Capacitação.

 

Mayra Cajueiro Warren
Jornalista da Agecom/UFSC